10 anos de trabalho em 10 minutos de leitura — minha nova coluna no O Futuro das Coisas

Alex Bretas
2 min readNov 13, 2023

Saiu hoje a nova coluna que escrevi para o portal O Futuro das Coisas.

É um texto bem especial pra mim, pois resgata vários momentos do trabalho com aprendizagem autodirigida que venho realizando há 10 anos.

E também é bem prático, com vários exemplos reais de aplicação das Arquiteturas de Aprendizagem Autodirigida.

Acesse o artigo na íntegra clicando aqui.

Aqui vai uma prévia do que você vai encontrar lá:

Como “ligar a chavinha” da aprendizagem autodirigida nas organizações e na vida

“Nós somos muito bons em fazer coisas velhas e familiares mais rápido ou em fazer as coisas erradas melhor” (Olli-Pekka Heinonen e Hermanni Hyytiälä)

O que fazer quando os desafios do mundo não esperam e as soluções atuais já não dão conta?

Neste artigo em que se reapresenta às pessoas leitoras de O Futuro das Coisas, nosso colunista Alex Bretas retoma diferentes pontos da sua trajetória de pesquisa independente no campo da aprendizagem autodirigida.

A distinção fundamental entre aprendizado e ensino — e entre criatividade e reprodução -, as crenças escolarizantes que herdamos do sistema tradicional, o papel central das comunidades na reinvenção da educação e o mapa prático com as 21 Arquiteturas de Aprendizagem Autodirigida são alguns dos temas presentes no texto.

Alex propõe a vivência de aprender de maneira autodirigida como um “caminho gerador de caminhos”, isto é, um ato contínuo de investigação e criatividade perante o mundo. Somente “ligando essa chavinha” é que conseguiremos criar o novo em vez de apenas reproduzir o passado nas empresas, escolas e comunidades que habitamos.

E aí, o que você achou?

Como eu disse no fim do texto, vou adorar saber das suas experimentações com as Arquiteturas! Se quiser compartilhar, é só comentar lá ou então responder a este e-mail 😊

--

--

Alex Bretas

Alex Bretas é escritor, palestrante e fundador do Mol, a maior comunidade de aprendizagem autodirigida do Brasil. Saiba mais em www.alexbretas.com.