A paixão do explorador

Ontem tive o privilégio de assistir a uma palestra do John Hagel junto com o Conrado Schlochauer e a Marcelle Xavier em um evento de um cliente.

É impressionante como as reflexões que temos feito sobre aprendizagem encontram eco no pensamento dele.

Por exemplo: John tem falado muito sobre a “paixão do explorador” em contraposição ao medo como motivação principal para aprender.

Ao longo da vida profissional, todos nós já escutamos algo parecido com isso: “se você não aprender de maneira contínua, você ficará desatualizado e, provavelmente, fora do mercado”.

Os “exploradores”, para Hagel, não aprendem por conta disso (embora saibam que é verdade). Eles aprendem por conta do entusiasmo em descobrir coisas novas. O medo dá lugar para o tesão. É um processo muito mais de dentro pra fora do que de fora pra dentro.

E, apesar de sua importância, somente 14% dos trabalhadores norte-americanos cultivam a paixão do explorador para aprender.

E no Brasil, como estamos? Quantos de nós possuem o privilégio de encarar o trabalho como fonte contínua de novas descobertas e criações?

Saiba mais sobre mim em www.alexbretas.com.

--

--

--

TEDx Speaker | Autor | Facilitador de comunidades de aprendizagem autodirigida — www.alexbretas.com

Love podcasts or audiobooks? Learn on the go with our new app.

Get the Medium app

A button that says 'Download on the App Store', and if clicked it will lead you to the iOS App store
A button that says 'Get it on, Google Play', and if clicked it will lead you to the Google Play store
Alex Bretas

Alex Bretas

TEDx Speaker | Autor | Facilitador de comunidades de aprendizagem autodirigida — www.alexbretas.com

More from Medium

Laken’s Oasis — An approach to a perfect reality — Chapter 2

Paging Daniel Boone

The Power of a Performer

Top 4 myths about goal setting in relationships that you should know!