Desafio #1: Desenhe um mapa de aprendizado

[Desafio 30 Dias de Hábitos de Aprendizagem]

Saiba mais sobre o Desafio e inscreva-se gratuitamente aqui.

Conjunto: Meta-aprendizagem

O que é?

Esse hábito pode ser descrito assim (“loop do hábito” de Charles Duhigg):

  • Deixa: quando você sente que precisa se desenvolver em algo
  • Rotina: definir o que aprender e desenhar um mapa de aprendizado
  • Recompensa: sensação de estar pronto para iniciar a jornada, autonomia

Isso é o oposto de:

  • Deixa: quando você sente que precisa se desenvolver em algo
  • Rotina: ir aprendendo sem rumo e sem saber no que prestar atenção
  • Recompensa: não precisar fazer esforço nem se comprometer com o próprio aprendizado

Por que esse desafio é importante?

Embarcar em um percurso de aprendizagem é como fazer uma viagem. Se você não se prepara direito — mesmo que a viagem não tenha um destino específico —, vai ser mais difícil e você vai aproveitar menos o processo.

Para aproveitar ao máximo sua jornada de aprendizado, você precisa expandir seu olhar a respeito do quê, porquê e como aprender. E construir as habilidades importantes para chegar onde você quer.

Como fazer?

  • Escolha o que você quer aprender. Para isso, você pode tentar responder perguntas como: “que coisas estão me fascinando neste momento?”, “como eu me vejo daqui a dois anos?” ou “se eu pudesse ganhar um novo superpoder, qual seria?” Se precisar, faça uma lista com todas as coisas que você gostaria de aprender neste momento. Deixe descansar por um tempo (vá lavar louça ou brincar com as crianças enquanto isso) e depois elimine as menos importantes/empolgantes. Tente chegar em apenas uma coisa, entendendo que você poderá se dedicar a todas as outras depois.
  • Se você já estiver aprendendo sobre alguma coisa — seja de maneira informal ou por meio de um curso ou treinamento — e quiser adotá-la para fazer os exercícios descritos aqui, fique à vontade. Ainda assim será útil.
  • Tenha em mente que o que você quer aprender pode ser algo mais próximo de um “conhecimento” ou de uma “habilidade”, embora muitas coisas que desejamos aprender tenham elementos de ambas as categorias.
  • Antes de se perguntar como aprender isso, pergunte-se porque aprender isso é importante pra você. Anote sua principal motivação (a mais profunda). Ela pode tanto ser mais instrumental (“quero aprender isso para alcançar um objetivo”) como mais intrínseca/autotélica (“quero aprender isso porque me dá prazer”).
  • Depois de entender o porquê, vamos voltar no tema ou habilidade que você quer aprender para “preenchê-lo” mais um pouco. O quadro abaixo vai te ajudar nessa tarefa.

Este é o seu mapa de aprendizado. É bem provável que o que você quer aprender possa ser desmembrado nele. Pergunte-se: “quais conceitos básicos preciso compreender?”, “quais fatos e informações preciso lembrar?”, “quais técnicas e métodos preciso treinar?”, “quais as habilidades que preciso desenvolver?” e “quais perguntas estou me fazendo?”

Para ficar mais claro: conceitos básicos são os postulados ou as premissas mais importantes para entender o assunto em questão. Por exemplo: se eu quero aprender teoria da relatividade, preciso compreender o conceito de “espaço-tempo”. Se quero aprender sobre aprendizagem, então preciso compreender o(s) conceito(s) de aprendizagem, ou seja, o que é aprendizagem.

Fatos e informações são coisas memorizáveis, por exemplo: se eu quero aprender a falar em público, pode ser bom ter em mente informações necessárias para se contar uma boa história. Ou ainda o fato de que, quando damos uma pausa na fala, isso é bom para dar destaque a uma parte específica da narrativa.

Técnicas e métodos são procedimentos específicos, isto é, maneiras estruturadas de se fazer as coisas. Por exemplo: se eu quero aprender sobre facilitação de grupos, em algum momento vou descobrir que existem vários métodos diferentes para fazer isso (World Café, Open Space, Círculo, Planejamento de Cenários etc).

Habilidades são coisas que você precisa desenvolver para conseguir aprender o que você quer aprender. Por exemplo: se eu quero aprender a falar um novo idioma, é importante desenvolver a habilidade de não ter medo de errar na frente de alguém e a consistência para praticar um pouco todos os dias.

É normal ter dificuldade para preencher o mapa, especialmente quando você está aprendendo algo novo. Não se preocupe se ele ficar meio vazio por enquanto: a ideia é que você volte nele outras vezes durante seu aprendizado.

  • Pesquisar no Google pode te ajudar a preencher o quadro acima. Vamos supor que você quer melhorar sua habilidade de falar em público. Tente usar os seguintes termos de busca no Google: “main skills of a public speaker”, “basic concepts of public speaking”, “facts and information about public speaking” e “methods and techniques for public speaking”. Colocar os termos em inglês é útil porque aumenta o alcance da busca. Se o inglês for uma barreira pra você, tente usar o tradutor do Google Chrome (funciona muito bem para quase todas as páginas). Para descobrir outras dicas de busca no Google, clique aqui.
  • Veja este texto sobre 71 formas de aprender algo. Ele é útil para ampliar nossa percepção a respeito dos caminhos possíveis. Essa leitura é só um aquecimento para o desafio de amanhã…

Resumo do desafio

  • Escolha o que você quer aprender: é mais conhecimento ou habilidade?
  • Pergunte-se porque isso é importante: é mais instrumental ou intrínseco?
  • Faça um mapa de aprendizado: conceitos, fatos, técnicas e habilidades

Para saber mais

  • Livro “Ultralearning” do Scott Young.
  • Livro “A Arte da Aprendizagem Autodirigida” do Blake Boles (download gratuito aqui).

São mais de 500 pessoas fazendo o Desafio juntas.

Para participar do grupo do Desafio 30 Dias de Hábitos de Aprendizagem no Telegram e ter acesso a conteúdos exclusivos e apoio de pessoas incríveis, inscreva-se gratuitamente aqui.

TEDx Speaker | Autor | Facilitador de comunidades de aprendizagem autodirigida — www.alexbretas.com

TEDx Speaker | Autor | Facilitador de comunidades de aprendizagem autodirigida — www.alexbretas.com