Desafio #14: Faça polinização cruzada

[Desafio 30 Dias de Hábitos de Aprendizagem]

Saiba mais sobre o Desafio e inscreva-se gratuitamente aqui.

Conjunto: Criatividade

O que é esse desafio?

Esse hábito pode ser descrito assim (“loop do hábito” de Charles Duhigg):

  • Deixa: todos os dias
  • Rotina: atentar-se para conexões inusitadas e criativas entre seu tema de aprendizado e outros assuntos
  • Recompensa: criatividade, insights

Isso é o oposto de:

  • Deixa: todos os dias
  • Rotina: ficar restrito somente ao seu tema de aprendizado
  • Recompensa: falsa sensação de foco e produtividade

Por que esse desafio é importante?

A polinização cruzada é a única forma se você quiser realmente inovar. Porque se você pensa que vai inovar lendo a revista do seu segmento, boa sorte com isso. Todos os competidores têm a mesma revista em suas mesas. Isso é bom para se manter atualizado sobre o segmento, mas não para ir além dele. Por isso, você sempre precisa estar olhando para outros lugares. (Tom Kelley)

A citação acima, de Tom Kelley, da IDEO, nos alerta para o fato de que a criatividade é resultado da colisão entre ideias aparentemente incombináveis.

Quando estamos aprendendo algo, é comum focar apenas no nosso tema e esquecer que tudo na vida está conectado com tudo. Enxergar essas conexões é a essência da criatividade.

A polinização cruzada é uma lente que pode ajudar a enxergar essas conexões. A pergunta básica é: “de que formas X tem a ver com Y?” Outra pergunta útil é “O que aconteceria se eu combinasse X com Y de uma forma nunca antes vista?”

Como fazer?

  • Para utilizar a lente da polinização cruzada, é necessário que você, antes de tudo, esteja olhando para diferentes lugares. Se você está aprendendo sobre falar bem em público, por exemplo, não coloque sua energia apenas nisso. Aprenda sobre e faça outras coisas, sempre se perguntando “o que X tem a ver com falar bem em público?”
  • As metáforas são um bom sinal da polinização cruzada acontecendo. Para continuar com o nosso exemplo, vamos supor que você estuda oratória e começa a jogar golfe. Em um dado momento, você enxerga a conexão: “minha fala em público precisa ser como o voo da bola de golfe, com um início, clímax e fim!” Esse tipo de insight costuma nos empoderar muito, já que vem da nossa experiência direta (ou seja: ninguém te disse, você descobriu por conta própria).
  • A polinização cruzada é uma lente, um certo olhar para as nossas experiências, e não um processo estruturado. Não acredito que seja possível forçar que ela aconteça. No entanto, vou propor aqui um exercício simples para te ajudar a perceber como ela funciona.
  • A ideia do exercício acima não é gerar insights geniais, e sim te ajudar a perceber como a polinização cruzada opera. As conexões geniais virão na medida em que você vivencia diferentes experiências e se dá o tempo de incubação necessário para elas sejam gestadas (o desafio #4 e o desafio #5 são ótimas formas de estimular a incubação criativa).
  • Se estiver com dificuldade de responder às perguntas do exercício, poste seus interesses e curiosidades no chat do desafio no Telegram e peça ajuda a outros membros do grupo.

Resumo do desafio

  • Olhe para outros lugares. Aprenda e faça coisas diferentes
  • Faça o exercício acima para entender como a polinização cruzada funciona
  • Se dê o tempo de incubação necessário para que as conexões aconteçam

Para saber mais

Livro “The Innovator’s Cookbook” do Steven Johnson.

São mais de 600 pessoas fazendo o Desafio juntas.

Para participar do grupo do Desafio 30 Dias de Hábitos de Aprendizagem no Telegram e ter acesso a conteúdos exclusivos e apoio de pessoas incríveis, inscreva-se gratuitamente aqui.

Baixe um material gratuito que vai te ajudar a aprender a aprender

Preparei um conteúdo com as principais pérolas da minha jornada de aprendizagem autodirigida.

É a essência mesmo. Aquilo que eu recomendaria de olhos fechados pra qualquer um que queira aprender a aprender.

E o mais legal é que eu organizei esse conteúdo no formato CEP+R (Conteúdos, Experiências, Pessoas e Redes).

CEP+R é um método que eu e Conrado Schlochauer criamos juntos. Usamos esse método em programas, workshops, mentorias e com a gente mesmo.

Acesse agora o conteúdo no meu site: www.alexbretas.com. E depois me envia um e-mail no alex@alexbretas.com me contando o que achou!

TEDx Speaker | Autor | Facilitador de comunidades de aprendizagem autodirigida — www.alexbretas.com

TEDx Speaker | Autor | Facilitador de comunidades de aprendizagem autodirigida — www.alexbretas.com