Se você não pedir aquilo que deseja ou precisa, ninguém fará isso por você

“Alex, você é muito direto”.

De ontem pra hoje, duas pessoas me falaram isso.

Acredito que, na cabeça delas, “ser direto” quer dizer falar sem rodeios aquilo que é importante pra nós. Além de fazer pedidos claros ao outro.

É estranho porque, muitas vezes, eu ainda sinto dificuldade com isso. Mas percebo que é algo tão desafiador pra tanta gente que o mínimo sinal de alguém “sendo direto” acaba chamando atenção.

Acima de tudo, é um treino constante. Quando éramos bebês, a explicitação do que era importante pra nós se dava pelo choro ou pelo grito.

Não havia vergonha em pedir, mas também precisávamos contar com um adulto afetuoso que adivinhasse nossa necessidade e nos ajudasse a supri-la.

Com alguns adultos ocorre um fenômeno curioso: ao contrário dos bebês, eles têm vergonha de assumir e pedir o que precisam, mas, assim como os bebês, continuam querendo que o outro adivinhe o que é importante pra eles.

Se você não pedir aquilo que deseja ou precisa, ninguém fará isso por você.

TEDx Speaker | Autor | Facilitador de comunidades de aprendizagem autodirigida — www.alexbretas.com

TEDx Speaker | Autor | Facilitador de comunidades de aprendizagem autodirigida — www.alexbretas.com