Sobre como o ego é sim importante

Esses dias eu fiquei pensando na questão do ego.

Vejo que algumas pessoas acreditam que devemos destruí-lo, reduzi-lo ou até mesmo “transcendê-lo”. Só assim conseguiremos atingir um “novo mundo” mais justo e abundante.

Será mesmo?

Eu acho que o ego é super importante. Pra mim não há problema algum em se sentir amado, aceito, especial, bonito, interessante. Nosso cérebro mamífero, por meio da serotonina, faz com que a gente busque essa sensação.

O problema acontece quando a gente fica viciado nisso. Aí sim é ruim.

Mas uma construção saudável do ego — que passa primeiro por aceitá-lo dentro de nós — pode nos proporcionar coisas incríveis.

Muito do que eu já fiz no meu processo de aprendizagem autodirigida foi por ego. Foi porque eu queria sentir essa sensação de ser especial. Mas não foi SÓ por isso.

E, aproveitando que o papo é sobre ego, já vou explicitar o jabá: o Masters of Learning tá com inscrições abertas só até dia 12! Quem quiser dialogar mais, nos encontramos lá. Link: www.alexbretas.com/mol

TEDx Speaker | Autor | Facilitador de comunidades de aprendizagem autodirigida — www.alexbretas.com

TEDx Speaker | Autor | Facilitador de comunidades de aprendizagem autodirigida — www.alexbretas.com